header ads

Após 30 anos, Procuradoria da Fazenda Nacional fecha escritório em Campina Grande


A Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN), por meio de portaria publicada no Diário Oficial da União do último dia 30, decidiu fechar o Escritório de Representação localizado em Campina Grande, com as atribuições sendo transferidas para João Pessoa.

Em janeiro do ano passado, o núcleo já havia sofrido um rebaixamento, deixando de ser uma seccional para funcionar apenas como escritório de representação.

A portaria PGFN/ME nº 15.114, assinada pelo procurador-geral da Fazenda Nacional, Ricardo Soriano de Alencar (foto), determina que a extinção ocorrerá no prazo de 120 dias da publicação do ato.

Nas redes sociais, o perfil do órgão em Campina Grande assegura que “a qualidade do serviço ao público está assegurada graças ao novo modelo gerencial implementado com sucesso pela PGFN na 5ª Região”.

“Após mais de 30 anos de bons serviços prestados ao país e à cidade de Campina Grande, a PSFN CAMPINA GRANDE - que subsistia apenas como escritório de representação - fecha suas portas. As atividades serão absorvidas pela PFN- PB, com sede em João Pessoa”, complementa a publicação.


Postagem Anterior Próxima Postagem