header ads

Morte de Batoré é festejada por internautas em comentários de canal alinhado à esquerda


O canal no Youtube “Conversa Afiada”, que pertenceu ao jornalista Paulo Henrique Amorim, falecido em 2019, puxou manchete em tom político para noticiar a morte do ator e humorista Ivanildo Gomes Nogueira, de 61 anos, conhecido como Batoré, ocorrida nesta segunda-feira, 10/01.

Sob o título “Morre o humorista Batoré, aos 61 anos | Bolsonarista, Batoré chegou a pedir o fechamento do STF”, um vídeo de pouco mais de três minutos mostrou trechos de declarações controversas do humorista a favor do presidente Jair Bolsonaro e contra ministros do Supremo Tribunal Federal e figuras políticas.

Nos comentários do canal, que é abertamente alinhado à esquerda brasileira, internautas comemoraram a morte de Batoré. A página, até o momento, não se posicionou a respeito das declarações. “Seleção Natural em ação! Viva Darwin!!”, disse um internauta. “Viva!”, respondeu outra.

Um terceiro internauta emendou: “Mais um nazifascista que já foi tarde”. Outro festejou: “Bolsonarista? Não sou coveiro! Um a menos para encher o saco”. 

Outro comentarista ironizou: “Tem que ter empatia ou considerar um benefício?! Por favor, me digam...”, recebendo respostas como “menos um”. 

“Menos um bolsominion. Tchau. Não existe na lei nenhum artigo que me obrigue a sentir tristeza por essa morte. Repito, menos um bolsominion. Tchau”, celebrou um seguidor do canal.

As ironias prosseguem em outros inúmeros comentários, como:

“É Deus agindo”.

“Eu fico tão triste com uma notícia dessas”.

“Obrigado Deus! Nos acuda, e leva a familicia”.

“A natureza sabe o que faz”.

“O bolsominion que não tinha respeito partiu, já foi tarde”.

“Foi de ralo!”, diz um comentarista que usa a imagem de Che Guevara no perfil.

Alguns comentários lamentam o fato de Batoré ter morrido sem ver uma eventual vitória do ex-presidente Lula. “Meus sentimentos à família. É uma pena que ele não verá Lula subindo a rampa do Palácio do Planalto!”.

Também nos comentários, uma minoria condenou o discurso de ódio dos internautas. “Muitos comentários de ódio contra uma pessoa que se foi, um dia vai ser na casa de vcs,  aí saberão a dor de ter que ler esse tipo de comentário , contra alguém que se ama”, escreveu um internauta.

“Toda morte deve ser lamentada, doença terrível, não devemos nos pautar pelo ódio e pela revanche, afinal o que nos diferencia deles? Meus pêsames a família”, disse outro. Ambos foram rebatidos com agressividade.

Postagem Anterior Próxima Postagem