header ads

Após assumir vaga aberta por aliados de Veneziano, suplente aparece ao lado de Pedro


O vai e vem de anúncios e adesões costuma embaraçar os grupos políticos nesse período de pré-campanha, mas, ainda sob esses parâmetros, um fato no mínimo curioso e que deve gerar constrangimentos no antigo grupo do Podemos em Campina Grande foi registrado hoje.

O advogado Moysés Morays, segundo suplente do partido na Câmara Municipal, recentemente assumiu o mandato por causa da licença do titular Anderson Pila e do primeiro suplente Galego do Leite, ambos agora emedebistas e aliados do senador e pré-candidato ao Governo do Estado Veneziano Vital do Rêgo.

A posse de Moysés, aliás, foi celebrada pela mulher de Veneziano e pré-candidata a deputada estadual Ana Cláudia, em seus perfis.

Eis que, ainda assim, Moysés foi anunciado neste domingo como tendo aderido à pré-candidatura do ex-prefeito de Lagoa Seca Fábio Ramalho (PSDB) a deputado estadual. E mais, em uma foto ao lado do deputado federal tucano Pedro Cunha Lima, pré-candidato a governador, deixando no ar a incerteza se o apoio também seria extensivo a este. 

 A informação veio a público por mãos do ex-prefeito, nas redes sociais.

A repercussão entre o grupo que deu a vez a Moyses foi tamanha que a postagem aparentemente acabou sendo apagada do Instagram de Ramalho. Mas, o print já rodava as redes sociais e a dúvida agora é se a história pode resultar no encurtamento da passagem do advogado pela Câmara. 


Postagem Anterior Próxima Postagem